Conquistar Objectivos: 9 formas de nos mantermos inspirados e motivados!

 
clique na imagem para abrir em vídeo
 
Definir metas e planear como as alcançar é geralmente, a parte mais fácil. O grande desafio é manter o ritmo e lidar com os imprevistos que surgem ao longo do percurso, que nos podem fazer desviar do caminho que e com isso, fazer-nos sentir vontade de desistir.
 
Primeiro é preciso agir e só depois a motivação aparece e cresce, como vimos neste post 
Depois, como a motivação faz com que continuemos a agir e a avançar, é necessário alimentá-la para continuar e fazer as coisas acontecerem.
 
 
Deixo-vos 9 estratégias que nos ajudam a manter a motivação quando tudo à volta nos parece difícil:
 

1. Visualizar o objectivo:

Durante alguns minutos por dia, feche os olhos, visualize o seu objectivo e imagine que o está a viver no momento presente. Junte a essa imaginação, sensações, cheiros e emoções. Quanto mais preenchida e real for a imaginação, melhor. Sinta as manifestações físicas, veja à sua volta tudo a acontecer como pretende. Veja-se a conduzir um carro novo, a trabalhar e a viver do seu negócio, a vender os seus produtos com facilidade, a ver o seu livro nas prateleiras das melhores livrarias, a chegar ao aeroporto do destino que sempre sonhou visitar, etc. Seja qual for o seu objectivo, oiça os elogios das outras pessoas por o ter conseguido.
 
Todo este exercício torna tudo muito real e emocionante e irá inspirar-nos e motivar-nos a continuar.
 
 
 

2. Manter os nossos objectivos visíveis

Escreva as suas metas em letras grandes e coloque-as onde as possa ver com frequência – no espelho da casa de banho, no guarda-roupa, no frigorífico, na parede por onde passa mais vezes ao longo do dia.
Se for o caso de conviverem mais pessoas no mesmo local, fale com elas sobre o seu objectivo e sobre a necessidade de expor as suas metas. Eles vão certamente compreender e talvez seguir o mesmo caminho para alcançar os seus próprios objectivos!
 
Visualizar as metas com frequência garante vários minutos de reforço a cada dia!
 
 
 
 

3. Criar um quadro de visualização (falámos sobre isto aqui)

 
Crie uma colagem de fotografias de tudo o que o seu objectivo lhe trará. É um exercício de mindfulness, atenção plena, e criatividade onde dedicará tempo e energia a procurar imagens que reflitam o que pretende alcançar para si. Pesquise em revistas ou na internet as fotografias certas que o inspiram e motivam. O seu carro ideal, a loja onde fará o seu negócio, a montra da livraria onde estará exposto o seu livro, a imagem da paisagem de sonho que pretende visitar, etc. 
 
Imprima se retirar as fotografias da internet e cole todas numa folha papel ou cartolina coloridas. Adicione comentários e datas. Faça desenhos se quiser. Quanto mais mão, tempo e energia dedicar a construir visualmente o seu objectivo, melhor. 
 
Pendure o seu quadro num lugar onde passe com frequência. Tal como a lista dos objectivos, é importante ter o quadro de visualização de sonhos sempre à vista!
 
 
 
 
 

4. Assistir a vídeos e ouvir podcasts inspiradores

 
Escolha pessoas inspiradoras para ver e ouvir. Pessoas que conquistaram os seus objectivos, que superaram dificuldades e alcançaram com sucesso o que pretendiam. Pode escolher ouvi-los no carro quando faz deslocações longas, quando caminha ou nalgum momento só seu.
Ouvir o sucesso de outros e como ultrapassaram obstáculos é altamente motivacional, pois faz-nos acreditar numa das minhas expressões favoritas: se ele ou ela conseguiram, eu também consigo!
 
 
 

5. Procurar apoio de um coach ou mentor

 
Escolha um coach para o apoiar na conquista dos seus objectivos ou um mentor que já tenha alcançado os mesmos objectivos que os seus ou que tenha muito conhecimento e experiência sobre eles, e que possa ajudá-lo a avançar melhor no caminho para o sucesso.
Um coach ou mentor pode ser o seu maior recurso. Eles já foram onde quer ir e experimentaram os obstáculos ao longo do percurso. Essa pessoa pode ser paga ou não por esse apoio. Procure e contacte essas pessoas e mostre o seu interesse em aprender com elas. Escolha qual a opção mais adequada ao seu momento económico.
 
 
 

6. Fazer uma pausa

 
É incrível como o simples acto de sair do seu ambiente comum o pode revigorar e a sua motivação vai sair a ganhar com isso. Não precisa ser nada de extraordinário nem dispendioso. Basta uma caminhada de meia hora ao ar livre. À medida que o seu corpo se move, a sua energia estimula-se e a sua motivação começará a fluir novamente. Procure caminhar num sítio que goste, num parque, no campo ou à beira-mar. Vá a uma esplanada beber um café ou ler um livro. Use esse lugar para estimular e organizar as suas ideias longe do rebuliço do trabalho e da vida do dia-a-dia. Faça-o preferencialmente sozinho para não ser interrompido com conversas e energias de outras pessoas. 
 
 
 

7. Celebrar a cada passo dado

 
Quando se sentir atolado, como se não tivesse a progredir, lembre-se de quando começou a jornada em direcção ao seu objectivo e reconheça até que ponto chegou realmente. 
A alma anseia por reconhecimento, então, aproveite para agradecer e enaltecer o caminho percorrido até aqui para o inspirar e motivar a continuar. E celebre sempre!
 
 
 

8. Questione-se

 
Muitas vezes, detectar o que correu menos bem ou que, eventualmente, está a ser influenciado por opiniões de outras pessoas, é suficiente para voltar aos trilhos. 
 
Reflita nas seguintes questões:
  • Quando foi a última vez que me senti inspirado e motivado?
  • O que aconteceu que fez diminuir o meu entusiasmo?
  • Alguém disse algo negativo e julgou o meu objectivo de alguma forma que me fez duvidar que eu estava no caminho certo?
 
Oiça as suas respostas!
 
 

9. Rever o PORQUÊ e O QUÊ

 
Voltar a entrar em contacto com os motivos pelos quais o levaram a desejar esse objectivo é um grande motivador em momentos em que sentir a energia a baixar.
 
Questione-se de forma a poder revisitar o seu “Porquê” e o “O quê”:
 
  • Porque é que eu quero este objectivo?
  • O que pretendo provar a mim próprio e aos outros?
  • Quais são os benefícios de alcançar este objectivo?
  • O que irei adquirir quando o alcançar?
 
 
 
 
Estas 9 dias podem ajudar-nos a seguir em frente e a manter-nos no caminho em direcção aos nossos objectivos. Se os colocar em prática e ainda assim não se sentir motivado, é hora de rever o seu objectivo. 
O que pretende alcançar ainda faz sentido neste momento? 
É algo que eu quero mesmo ou que eu deveria? 
É um objectivo autêntico que vem de dentro do meu coração?
Se isto acontecer, esteja disposto a deixar ir o seu objectivo ou a deixá-lo para outra altura mais conveniente. Desde que não procrastine, mantenha-o em pausa por um tempo. Por vezes, precisamos seguir um caminho, antes de percebermos que não é exactamente para onde queremos ir. E está tudo certo!
 
 
 

Seja a sua melhor versão e viva a vida com significado!

 
Gratidão,
Ana Ferraria
coach e fundadora da QuestionAr-t